o que é packing

Saiba o que é packing e qual a sua importância

A logística atua em cadeia. Por isso, gestor, lembre-se sempre disso ao pensar em suas estratégias para o setor. Afinal, isso permite perceber de que forma erros ocorridos em uma etapa prejudicam todas as demais. Portanto, é fundamental ter atenção a essas questões.

Por exemplo, o packing é fortemente impactado por etapas anteriores e, também, influencia as demais. Por isso é tão importante entender o que é packing, como ele funciona e tirar as dúvidas sobre o assunto.

Confira a seguir um conteúdo imperdível sobre o tema e saiba mais sobre como ele impacta o sucesso do seu negócio.

O que é packing?

O packing diz respeito à etapa do processo logístico na qual há o empacotamento devido para que os itens possam seguir para o transporte no processo logístico, garantindo que serão transportados de forma adequada, sem colocar em risco a integridade da carga. Ou, em outras palavras, é a fase de embalar um item antes da expedição.

Ele pode ser caracterizado pelos seguintes tipos:

  • enchimento solto: é utilizada uma caixa maior, na qual é colocada a peça e, para complementar o espaço livre, são utilizados materiais soltos (espuma, isopor, papel, entre outros) como uma forma de proteger a carga de impactos durante o deslocamento;
  • calçamento e escoramento: é utilizada uma caixa maior, na qual a peça é colocada, mas é usado também um material mais resistente para reforçar tanto a caixa em si quanto partes do produto. Por exemplo, pode-se utilizar madeira como forma de escorar o item dentro da caixa;
  • envolvimento: é utilizada uma caixa maior, na qual a peça é colocada, e o produto é envolvido em material protetor (plástico bolha ou embalagem inflável);
  • revestimentos moldados: feitos para aquela peça específica, ele reveste o item por completo para que possa ser transportado.

Alguns de seus principais objetivos são:

  • permitir a unitização do pedido;
  • manter a qualidade e a integridade da peça desde a saída do estoque até a chegada no cliente final;
  • evitar perdas, roubos e furtos durante o processo logístico.

Qual a importância do packing?

O packing é fundamental para os processos logísticos como um todo. Afinal, ele faz parte de um ponto cerne da cadeia: proteger a carga de eventuais avarias que possam comprometer a sua integridade. Peças que sejam mais frágeis e que possam sofrer problemas durante o transporte devem ser devidamente protegidas, e o packing é a fase responsável, justamente, por garantir essa proteção.

Além disso, o packing traz outro ponto importante que poucas pessoas leigas sabem: as embalagens também são responsáveis por minimizar possibilidades de perdas, furtos e roubos durante as entregas.

Por exemplo, quando um equipamento eletrônico de alto valor está visível, isso chama a atenção de criminosos, que sabem exatamente que há ali itens que podem ser mais vantajosos para eles. As embalagens, portanto, auxiliam na descaracterização do item e evitam que ocorra uma maior exposição.

Qual o papel da embalagem no packing?

Dentro desse contexto, temos também a importância de escolher boas embalagens, bem como a escolha do material adequado para esse fim. Afinal, o cliente, no final do processo, precisa receber um item que esteja dentro das suas expectativas.

Pense, por exemplo, que muitas vezes ocorre o transporte por múltiplos modais e, assim, é preciso utilizar formas de proteger os itens em todo o processo. Em outros casos, o item vai passar por diversas transportadoras, o que pode colocar em risco não só o produto, mas a embalagem também.

Por isso, a escolha do material da embalagem no processo de picking é fundamental para garantir a satisfação do cliente. Lembre-se de que esse é o primeiro ponto de contato com a sua empresa. Portanto, se a caixa, por exemplo, chega avariada, isso já causa uma certa resistência com seu negócio.

Outro ponto é quando o uso da embalagem funciona como uma estratégia de branding. Por exemplo, se você utiliza materiais diferenciados, deixa mensagens para o comprador, entre outros pontos, o packing tem um papel importante para que essa mensagem chegue, de fato, ao seu cliente.

Qual a diferença entre packing e picking?

Muitas vezes, você verá o termo packing alinhado com o picking. Mas, afinal, eles são parte do mesmo processo? Ou, se não são, quais suas diferenças? Vamos explicar mais sobre cada um a seguir.

De forma simplificada, o picking fala essencialmente da separação e preparação dos itens para transporte, enquanto o packing, como você já viu, é justamente o empacotamento adequado e a alocação em embalagens propícias para que o transporte ocorra.

Ou seja, um depende necessariamente do outro. Só é possível ter um bom packing quando a operação de picking é feita de forma adequada e com eficiência. Por isso, ambos precisam andar lado a lado para se complementarem e evitar problemas que possam comprometer os processos internos.

Como packing e picking se complementam?

Por que packing e picking precisam estar lado a lado no dia a dia? Isso ocorre porque, como falamos, eles se complementam. Por isso, vamos mostrar a seguir de que forma isso acontece e tirar algumas dúvidas sobre o assunto.

Otimização do processo logístico

Os processos logísticos são uma cadeia. Dessa forma, todas as etapas são interdependentes em alguma medida. Quando picking e packing se complementam, há uma otimização do processo logístico de modo geral.

Garantia de integridade dos produtos

Outro ponto importante é que desde o picking até a saída do processo no packing, é possível garantir maiores cuidados com a integridade dos itens. Por exemplo, quando o profissional retira um item do armazém, ele deve analisar se todos os traços de integridade estão mantidos. Caso exista algum comprometimento, ele não deverá passar para o packing.

Quando a peça íntegra chega ao packing, a embalagem deverá fazer o papel de proteção e prepará-la para suportar o processo de transporte e chegar de forma adequada nas mãos do cliente. Ou seja, se o primeiro falhar, o segundo também ficará comprometido.

Melhora na satisfação do cliente

Ao final, quando picking e packing andam lado a lado, é possível verificar uma maior satisfação do cliente. O produto adquirido chega em mãos da pessoa, atendendo (e muitas vezes superando, justamente pela experiência imediata com a embalagem) suas expectativas.

Saber o que é packing é fundamental para que sua empresa destaque-se no mercado e encante o cliente. Por isso, cuidar dessa etapa é fundamental. Aplique as melhores estratégias! Ainda, pode ser interessante contar com empresas especializadas para esse fim.

Gostou deste conteúdo? Assine nossa newsletter e receba dicas exclusivas preparadas para potencializar sua empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo