sistemas logísticos

Veja quais são os sistemas logísticos essenciais para a sua empresa!

A expansão da tecnologia na logística representa muitos benefícios importantes para quem gerencia essa área: visibilidade, transparência, redução de custos e agilidade. Apesar da complexidade da cadeia de processos logísticos e da de suprimentos, as soluções tecnológicas trazem recursos poderosos para auxiliar no dia a dia.

Com o avanço dessa combinação entre as áreas, diversos sistemas logísticos surgiram. É preciso, então, entender a função de cada um e saber como obter deles os melhores resultados para a sua empresa. Assim, é possível aplicar esses softwares para o sucesso do negócio e a obtenção dos pontos positivos mencionados.

Para conhecer os tipos de aplicação que são usados no setor e entender exatamente suas características e diferenças, acompanhe os tópicos a seguir.

O que é um sistema logístico?

A logística é caracterizada por uma série de etapas que dependem umas das outras. Nesse sentido, é preciso contar com o máximo de precisão e integração para evitar problemas acumulados e erros que prejudiquem toda a ordem de produção/distribuição e a logística de entrega.

Pensando nisso, os sistemas logísticos atuam como um facilitador para a gestão. Cuidam dos processos de controle e programação da produção, gestão de estoques, gestão de fornecedores, gestão de transportes, gerenciamento da comunicação entre as frentes, a fim de otimizar as operações e eliminar falhas. Os softwares atuam em uma dessas funções ou em todas elas integradas. O ideal é oferecer experiência técnica e apoio com as necessidades específicas de cada etapa do processo logístico.

Para isso, as aplicações geralmente empregam automação de processos, um recurso que resolve problemas repetitivos manuais em fluxos esquematizados pelos próprios sistemas, sem intervenção humana. Além disso, são softwares que possibilitam o controle das informações, a partir de registros do que é relevante e da capacidade de monitoramento das operações.

Nessas aplicações, a gestão é capaz de administrar todos os processos da cadeia e acompanhar indicadores, metas e objetivos, com dashboards que ajudam na tomada de decisão. Também permitem integração com outros sistemas, de outras áreas, a fim de eliminar duplicação de informações e erros. Ademais, os softwares são ótimos para ajudar no planejamento das ações da empresa em cada etapa do fluxo.

Como esses sistemas podem ajudar uma empresa?

Nesta seção, vamos entender as vantagens dos sistemas logísticos.

Visibilidade e transparência

Com a capacidade de monitorar os produtos registrados, a empresa reforça sua capacidade de visualizar o que está acontecendo internamente. Na gestão de estoque, é possível rastrear e encontrar produtos, identificar em que ponto do processo ele está e muito mais dados necessários. No transporte, também é viável encontrar produtos e detectar suas condições.

Isso também se traduz como transparência e uma melhor experiência para o cliente final, que depende das ações logísticas. Ele conseguirá saber onde estão suas mercadorias e se houve algum problema no fluxo. A informação se encontra sempre clara e disponível quando necessário, uma vez que o sistema concentra os dados.

Melhorias constantes

Há visibilidade no monitoramento dos indicadores dos processos, como já foi mencionado. Cada etapa pode ser avaliada de acordo com KPIs estabelecidos para que a gestão seja capaz de mensurar a produtividade, a agilidade e a eficiência, de modo a tomar decisões que ajustem o que for preciso.

Desse modo, a empresa pode sempre melhorar em suas operações, com a busca por maior lucratividade. Inclusive, a tecnologia ajuda na compreensão da necessidade de novos recursos tecnológicos também.

Redução de custos e perdas

Outro ponto positivo que vale destacar é a redução de despesas e perdas. Com o auxílio dos sistemas, a empresa se torna mais eficiente na gestão dos gastos, com o controle de consumo de gasolina no transporte, a definição dos métodos mais eficientes de roteirização, a administração de tempo nos processos de entrada/saída e picking e o controle de problemas que levam a imprevistos financeiros.

Há redução de perdas também. O problema de lidar com muitas mercadorias e de perdê-las ou danificá-las no processo é reduzido, já que há constante monitoramento e rastreamento em todas as etapas para assegurar os melhores resultados.

Manutenções

As aplicações também permitem monitoramento dos equipamentos utilizados, sejam máquinas no armazém/CD, sejam os veículos do transporte. Assim, é possível realizar manutenções programadas e preventivas, a fim de assegurar o melhor desses ativos nas operações do dia a dia. Eliminam-se desperdícios e paradas operacionais que afetam a produtividade e os prazos, com uma maior capacidade de previsibilidade.

Agilidade

Prazos são muito importantes em um processo logístico. É necessário sempre se organizar para cumpri-los e coordenar os problemas que surgem para que não haja atrasos. Conseguir maior agilidade no fluxo é ainda mais vantajoso para as empresas, e esse é justamente outro dos resultados da aplicação dos sistemas logísticos. Isso ocorre por conta do monitoramento constante, da otimização dos processos internos, da análise por meio de indicadores e da transparência.

Quais são os principais sistemas logísticos disponíveis?

Neste tópico, listamos os principais sistemas logísticos que existem atualmente no mercado.

ERP

O ERP (planejamento de recursos empresariais) é um sistema de gestão centralizado que se divide em módulos. Cada módulo trabalha em um setor, com recursos específicos para lidar com as demandas dele. A vantagem é que todos eles são integrados de modo a facilitar a transmissão de informações e agilizar todo o processo da empresa, com redução de erros e inconsistências. Dentre os módulos de um ERP, podemos ter compras/vendas e também controle de estoque e de transportes.

WMS

WMS é um sistema específico para gestão de armazéns. Assim, traz poderosas funcionalidades para controle de estoque, inventário, rastreamento de itens, organização da entrada e saída, monitoramento do processo de picking e do posicionamento ideal dos produtos no ambiente. Permite administração de indicadores importantes para otimização.

TMS

O TMS (sistema de gerenciamento de transporte) é uma aplicação voltada para a gestão de transportes. Desse modo, lida com cargas, roteirização, fretes, cross-docking, milk run, rastreamento dos produtos e outras importantes demandas.

Sistemas de roteirização

Para a tarefa da roteirização em específico, temos um software voltado para isso. Cuida das rotas que os veículos utilizam para entregas, buscando sempre otimizar esse processo de modo a reduzir custos e agilizar prazos. Também é responsável por outras questões referentes à movimentação dos itens e tem como objetivo a edução do tempo, da distância percorrida e dos custos operacionais logísticos. Assim, busca-se melhorar a percepção do cliente, com maior qualidade e menos processos manuais.

Como escolher bons sistemas para o seu negócio?

A escolha do sistema depende muito de uma análise aprofundada das condições do negócio. Primeiro, você precisa analisar os seus indicadores, levantar um bom diagnóstico e tentar traçar os problemas e objetivos principais a serem alcançados.

Em seguida, é importante buscar uma opção que se adapte ao que foi definido. O ideal é procurar um provedor que ofereça uma aplicação completa e personalizável, com bom suporte e boa flexibilidade.

Um fator fundamental é avaliar quais etapas são mais importantes para sua gestão. Se todas elas são gerenciadas por sua empresa e precisam de uma visão geral, a companhia pode adquirir sistemas isolados e concentrar-se na integração entre eles, ou adquirir uma aplicação que gerencie todos, como um ERP.

Os sistemas logísticos são cruciais para superar os desafios da gestão dos processos típicos desse setor. Permitem controle dos produtos, a garantia de qualidade deles e uma distribuição eficiente, que gere valor para os envolvidos e o cliente final. Assim, possibilitam que a empresa entregue um bom trabalho e evolua sempre, estando no centro da transformação digital do setor. É importante contar com um bom provedor de excelentes soluções tecnológicas, como a TCP.

Gostou do conteúdo? Deixe um comentário informando sua opinião sobre o tema!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário